Loading...

Quais são as diferenças entre as provas do biatlo?

Algumas disciplinas de inverno podem parecer similares, mas os detalhes mostram que as diferenças entre elas são enormes. Você sabe como é a dança no gelo na patinação artística? Ou diferenciar o slopestyle do big air? Não se preocupe - o Olympics.com vai te explicar tudo com uma nova série explicando as nuances dos esportes que você verá em Beijing 2022. Após o esqui alpino e as patinações de velocidade, saiba diferenciar os estilos do biatlo.

5 min Por Ilya Yashynin
GettyImages-923329162
(Foto: 2018 Getty Images)

Nos Jogos Olímpicos Beijing 2022, os atletas competirão por 11 pódios no biatlo. Homens e mulheres participam da prova individual, do sprint, da saída em massa, do revezamento e do revezamento misto.

No entanto, a história do biatlo começa muito antes dos Jogos Olímpicos. As primeiras competições de biatlo foram disputadas em 1768, quando guardas de fronteira da Suécia e da Noruega esquiavam por uma pequena montanha e atiravam a cada 40 ou 50 passadas.

No início do século 20, o biatlo se tornou a patrulha militar, com cada uma composta por dois soldados, um oficial sênior e um júnior que percorriam 30km antes de atirar. Foi nesse formato que o biatlo estreou nos Jogos Olímpicos, em Chamonix 1924.

Apenas nos anos 60 que o biatlo se tornou um esporte fixo nos Jogos Olímpicos de Inverno, mas a competição em Squaw Valley parece muito pouco com o que o esporte é hoje, já que havia somente a disputa individual.

Evgeniy Garanichev da Rússia em frente a uma chaminé durante uma etapa da Copa do Mundo de biatlo de 2014.
Evgeniy Garanichev da Rússia em frente a uma chaminé durante uma etapa da Copa do Mundo de biatlo de 2014. (2014 Getty Images)

As diferenças das provas do biatlo

Individual

Distância: Masculino - 20 km, feminino - 15 km.

Tiro: Quatro sessões de tiro (duas deitado, duas de pé) com cinco tiros cada, com um minuto de penalidade para cada erro

Já que a prova individual foi a primeira do biatlo nos Jogos Olímpicos, é adequadamente chamada de uma disciplina clássica. Para a maioria dos atletas, é a mais desafiadora. Para ganhar uma medalha, o atleta precisa cobrir distâncias longas enquanto mantém a compostura.

Frequentemente, os atletas com maior precisão se dão bem na prova individual. Podem ser mais lentos que seus competidores, mas a precisão no tiro compensa esse déficit. As provas individuais também costumam ter mais surpresas.

Sprint

Distância: Masculino - 10 km, feminino - 7.5 km

Tiro: Duas sessões (uma deitada, uma de pé) de cinco tiros cada, e para cada erro o atleta tem que completar 150 metros de penalidade

O sprint é a prova mais curta do biatlo, com os atletas atingindo grandes velocidades no percurso. Para chegar ao pódio no sprint, boa pontaria não é suficiente, já que os atletas compensam os erros sendo velozes na penalidade.

Mesmo se o atleta não ficar entre os três, nem tudo está perdido. Quanto melhor eles terminarem, maiores são suas chances de se recuperarem na perseguição.

Perseguição

Distância: Masculino - 12.5 km, feminino - 10 km

Tiro: quatro sessões (duas deitado, duas de pé) com cinco tiros cada, para cada erro o atleta percorre 150 metros de penalidade

A perseguição é muito diferente das duas provas anteriores. É uma continuação do sprint, com os biatletas começando nos intervalos de tempo que os separaram do vencedor do sprint. Logo, a prova é disputada no dia seguinte ao sprint.

Geralmente os vencedores do sprint e da perseguição são bem diferentes. Um atleta que foi mal no dia anterior pode chegar ao pódio, e outros podem ganhar dezenas de posições.

Saída em massa

Distância: Masculino - 15 km, feminino - 12.5 km

Tiro: Quatro sessões (duas deitadas, duas de pé) com cinco tiros cada, para cada erro o atleta percorre 150 metros de penalidade

Largada em assa dos 15km no biatlo
Largada em assa dos 15km no biatlo (Getty Images)

A saída em massa é considerada uma disciplina de elite do biatlo, porque os 30 melhores atletas competem nessa prova. Como diz o nome, todos começam ao mesmo tempo.

Nos Jogos Olímpicos, todos os medalhistas da prova individual, do sprint e da perseguição, além dos 15 melhores biatletas da classificação geral da Copa do Mundo, participam da saída em massa. Os lugares remanescentes são dados aos atletas baseado em sua pontuação nos Jogos em que estão participando.

Revezamento

Distância: masculino: 4 fases de 7.5 km; Feminino: 4 fases de 6 km

Tiro: Duas sessões (uma deitada, uma em pé) em cada fase, com cinco alvos cada e três cartuchos extra a cada erro; para cada erro o atleta percorre 150 metros de penalidade

O revezamento é uma prova em equipe. Quatro biatletas compõem cada time, com um representante por evento. A diferença para as outras provas é o campo de tiro.

Revezamento misto

Distância: Mulheres começam com duas fases de 6 km, depois duas de homens de 7.5 km.

Tiro: Mesmo sistema do revezamento clássico

O revezamento mito foi adicionado aos Jogos Olímpicos em Sochi 2014. É diferença do revezamento normal por ser disputado por homens e mulheres ao mesmo tempo.

Mais sobre o biatlo

  • Em 1999, a União Internacional de Biatlo fundou o simbólico clube de elite Zero. São biatletas que venceram provas individuais nos Jogos Olímpicos e Mundiais que não erraram tiros. Há 18 campeões Olímpicos no clube.
  • O peso do rifle do biatlo não pode passar de 3,5 kg e as balas alcançam velocidades de 380 metros por segundo. Os biatletas não podem deixar a área de tiro com um rifle carregado, caso contrário são desclassificados.
  • Em todas as provas, exceto a saída em massa, os biatletas atiram deitados depois da primeira volta e em pé após a segunda. Na saída em massa, porém, a sequência é diferente: primeiro, eles atiram duas vezes deitados e depois duas vezes de pé. Em 2010, a campeã Olímpica Darya Domracheva estava liderando a prova, mas atirou em pé na segunda vez e isso contou como cinco erros.
  • Às vezes, acontece de um biatleta atirar no alvo do colega. Nesse caso, claro, é considerado um erro.

Programação Olímpica do biatlo em Pequim

5 de fevereiro - revezamento misto

7 de fevereiro - individual feminino

8 de fevereiro - individual masculino

11 de fevereiro - Sprint feminino

12 de fevereiro - Sprint masculino

13 de fevereiro - perseguição feminino

13 de fevereiro - perseguição masculino

15 de fevereiro - revezamento masculino

16 de fevereiro - revezamento feminino

18 de fevereiro - saída em massa masculino

19 de fevereiro - saída em massa feminino

Adicione isso aos seus favoritos
BiatloBiatlo
Mais de

You May Like