Como é o novo evento Olímpico misto de salto de esqui?

Beijing 2022 terá nove eventos mistos. Um deles será a competição mista de salto de esqui. Você sabe os detalhes? Descubra tudo que você precisa saber sobre o evento antes de sua estreia Olímpica.

Andrés Aragón
Foto: 2021 Getty Images

Para avançar a igualdade de gênero nos Jogos Olímpicos, os eventos mistos têm crescido no programa Olímpico desde os Jogos Olímpicos da Juventude de 2010.

O evento misto do salto de esqui fará sua estreia em Beijing 2022. As nações que classificaram o mínimo de dois homens e duas mulheres estarão elegíveis para entrar no evento por equipes.

Equipe mista de salto de esqui da Alemanha.
Foto: 2021 Getty Images

Formato do evento misto de salto de esqui em Pequim

O evento misto do salto de esqui fez sua estreia internacional na Copa do Mundo em novembro de 2012. No ano seguinte, apareceu pela primeira vez no Campeonato Mundial. Agora é a vez dos Jogos Olímpicos de Inverno!

O evento acontece na pista normal (o esporte também tem a pista longa no masculino), usando o mesmo método de pontuação da competição masculina. Cada time tem quatro atletas, duas mulheres e dois homens, que competirão na seguinte ordem: mulher - homem - mulher - homem.

O evento consiste em uma rodada de testes e duas de competição. Os melhores oito times da primeira competição avançam para a segunda. Eles então lutarão pelas medalhas na ordem reversa à classificação (quem foi melhor na primeira salta por último).

Agora que sabemos o básico, vamos aos detalhes.

Sara Takanashi
Foto: 2018 Getty Images

Quando será o evento misto de salto de esqui em Pequim

O Centro Nacional de Salto de Esqui sediará a competição de salto de esqui (assim como a prova de salto de esqui do combinado nórdico) em Beijing 2022.

O evento misto será em 7 de fevereiro. Será o terceiro conjunto de medalhas distribuídas no salto de esqui, depois das dos eventos de pista normal feminino (5/2) e masculino (6/2).

A rodada de testes será entre 18:28 e 19:07 (hora local), seguida da primeira rodada de competição (19:45). A última rodada começa 20:51 e está programada para terminar às 21:27.

Por que o evento misto do salto de esqui é especial?

O evento misto fará sua aguardada estreia Olímpica em Beijing 2022. Nos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude, a competição é disputada desde a primeira edição, em Innsbruck 2012. Porém, o atual formato (dois homens e duas mulheres) só foi adotado em Lausanne 2020.

"É ótimo! Não temos muita chance de disputar com as meninas e é muito bom estar na equipe com elas, é um outro espírito de equipe, outro ambiente", disse Karl Geiger ao Eurosport, após ganhar o ouro no Campeonato Mundial de 2019.

"Saltar em uma equipe mista é completamente diferente da competição individual", disse o austríaco Daniel Tschofenig à FIS Ski em fevereiro, depois de ganhar uma etapa da Copa do Mundo. "Toda a equipe está torcendo por vocês. É meu primeiro pódio em Copas do Mundo, então estou muito feliz. Fico muito orgulhoso de fazer parte desta equipe".

Geiger e Tschofenig podem brigar por medalhas neste evento.

Quais atletas são favoritos no evento misto do salto de esqui?

Para começar, a Alemanha é um bom palpite. Eles ganharam a medalha de ouro nos últimos quatro Campeonatos Mundiais e alcançaram o pódio em cinco edições (incluindo o bronze em 2013).

Em fevereiro, ganharam novamente, com uma equipe que incluiu o tricampeão mundial no evento misto Markus Eisenbichler (o único saltador a ganhar o individual, equipes masculinas e equipes mistas na mesma edição, em 2019). Katharina Althaus (prata Olímpica em 2018), Karl Geiger (foi ao pódio nos quatro eventos do Mundial deste ano) e Anna Rupprecht completaram a equipe.

Mas não será fácil. Dentre as equipes que podem ser uma ameaça à Alemanha, essas se sobressaem: Áustria, que ganhou medalhas em quatro dos cinco Campeonatos Mundiais em que esse evento foi disputado; Noruega, que foi prata em fevereiro; e Japão, a única equipe além da Alemanha a ter um título mundial (2013).

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual