Como uma atleta Olímpica treina na cidade do Papai Noel no Natal

A esquiadora de cross-country finlandesa Johanna Matintalo mora e treina em Rovaniemi no Círculo Ártico, então o Olympics.com quis saber como é para uma atleta de elite treinar na cidade oficial do Papai Noel durante o Natal.

Jo Gunston
Foto: Visit Rovaniemi (Rovaniemi Tourism & Marketing Ltd.) Photographer: Juho Kuva

A música 'Don't stop believing' (Não deixe de acreditar) é o hino que toca nos auto-falantes do estádio do FC Santa Claus (FC Papai Noel, em português), em Rovaniemi, na Finlândia, oficialmente a cidade do bom velhinho. Os jogadores usam uniforme vermelho, obviamente, com uma festiva faixa em verde e branco.

Diz a lenda que o clube foi fundado quando os elfos do Papai Noel estavam chutando uma bola de couro de futebol na neve quando davam um intervalo no trabalho de embrulhar os presentes. Não é surpreendente que as criaturas eram encorajadas a fazer exercício regularmente, já que a missão do Papai Noel é melhorar a vida das crianças. A vestimenta vermelha e branca também promove a bondade aos adultos, espalhando a mensagem de amor e generosidade durante o Natal em todo o mundo.

Em uma viagem em 2017, o FC Santa Claus viajou a Pequim para jogar um amistoso na véspera de Natal contra uma equipe local. Os alvo-rubros, treinados pelo alemão Ralf Wunderlich (além do treinador honorário, o Papai Noel) ganharam uma partida de futsal com um gol. No ano seguinte, eles voltaram para outra exibição, na qual jogaram com o ídolo italiano Alessandro del Piero e com o inglês Michael Owen. O Papai Noel fez questão de tirar uma foto com os astros.

O Papai Noel faz questão de ir aos primeiros jogos do clube na temporada. A preleção certamente fala sobre fé, tendo em vista que o clube está na sexta divisão do futebol finlandês, que tem mais de 200 times. Sem dúvida, o Papai Noel usou seu talento motivacional para encorajá-los a acreditar que eles podem subir de divisão.

País das maravilhas de inverno

Quando o Papai Noel precisa gastar uma energia após comer uma bela ceia, o melhor lugar é o Santasport. O local é um dos 11 institutos esportivos da Finlândia, e o Centro de Treinamento Olímpico Rovaniemi é um dos seis Centros de Treinamento Olímpicos do país. Todos têm um papel significativo para o desenvolvimento dos esportes e atividades físicas na cidade.

O centro oferece estruturas de bem-estar, esportes e educação. O Papai Noel já trombou com alguns atletas Olímpicos por lá, como a esquiadora de cross-country finlandesa Johanna Matintalo.

A atleta de 25 anos se mudou para Rovaneimi em 2015 da cidade de Pöytyä, mais ao sul, graças às condições fantásticas de neve o ano inteiro. A mudança deu certo. Em 2018, ela estava competindo nos Jogos Olímpicos de Inverno PyeongChang 2018, aos 21 anos, e ela está perto de se classificar para Beijing 2022, que começa em 4 de fevereiro.

Johanna Matintalo, esquiadora cross-country da Finlândia. 
Foto: 2018 Getty Images

Matintalo está acostumada a ver novos rostos na academia nesta época do ano, com atletas tentando ficar em forma no Ano Novo, mas o Papai Noel foi uma novidade para ela, quando o Olympics.com conversou com ela no início de dezembro.

"Estava na academia ontem de manhã fazendo treino de força e o Papai Noel estava [visitando os empregados] e treinando com os equipamentos. Foi divertido de assistir enquanto eu treinava".

Em um momento importante para Matintalo, com Copas do Mundo e qualificação Olímpica em jogo em vários lugares do mundo, o período do Natal traz emoções opostas.

"É importante treinar agora, então talvez eu esteja um pouco com inveja de ver todo mundo só curtindo o inverno e o Natal e se divertindo. Claro, o treino também é divertido e amo o que faço, mas às vezes queria só pular os treinos e me divertir com a neve".

Treinando com a aurora boreal

Matintalo sabe muito bem como é lindo o local em que ela treina, esquiando em trilhas por quilômetros entre pinheiros cobertos de neve.

Nesta época do ano, pela latitude do local, ela treina 24 horas por dia no escuro, começando a sessão com uma tocha de fogo para iluminar o caminho. Mas a escuridão também traz o espetáculo natural da aurora boreal. A raridade do fenômeno, até para os moradores locais, faz das luzes um momento mágico.

"Quando temos a aurora boreal... é muito legal porque é escuro, muito escuro", diz Matintalo. "Você nem entende [quanto está escuro] se não vier aqui nesta época do ano!"

Outro fã da aurora boreal é o nosso amigo Papai Noel. Durante seu tempo livre, ele diz que gosta de andar pela floresta, fazendo uma lareira e vendo as estrelas. Ele também tirou um tempo para comparecer aos Jogos Paralímpicos em PyeongChang 2018.

"Vim porque queria realmente conhecer as pessoas do mundo todo e desejá-las tudo de bom enquanto elas mostram suas habilidades e obtêm sucesso", ele disse. "Só um pode vencer, mas todos serão felizes neste lugar".

Seu maior sonho é ver todo mundo no planeta "jogando com o outro e não tendo medo de nada, como os atletas Paralímpicos". Esse é um desejo de Natal com o qual todos podemos nos identificar.

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual