O que aprendemos: Destaques do pentatlo moderno dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Da dobradinha histórica da Grã-Bretanha às supermães participantes, olhamos os principais momentos do pentatlo moderno em Tóquio 2020 em 2021, recapitulamos os medalhistas, como assistir os destaques e o que esperar em Paris 2024.

Foto: 2021 Getty Images

O pentatlo moderno foi um dos últimos esportes a ser finalizado nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 - e valeu a pena esperar.

A Grã-Bretanha fez dobrado, vencendo as competições masculina e feminina, com Joe Choong se escrevendo nos livros de história.

Por outro lado, Jun Woong-tae conquistou a primeira medalha no pentatlo moderno da Coreia do Sul, enquanto a estrela egípcia em ascensão Ahmed Elgendy mostrou que o futuro do esporte é brilhante.

A seguir, conferimos os principais momentos, recapitulamos os medalhistas e em quem ficar de olho na Olimpíada de Paris 2024.

Os 5 melhores momentos do pentatlo moderno em Tóquio 2020 em 2021

Vamos dar uma olhada em algumas das principais atividades:

1: Kate French se torna a segunda campeã Olímpica na história de pentatlo moderno da Grã-Bretanha

Depois de terminar em 5º no Rio 2016, French estava determinada a ganhar uma medalha em Tóquio 2020.

E a pentatleta de 30 anos alcançou esse objetivo em grande estilo, surpreendendo na competição e conquistando o ouro feminino.

Tendo perdido apenas dois de seus 22 tiros na laser run, French se aproximou da linha de chegada com a luz do dia entre ela e os outros atletas.

French é a primeira britânica a ganhar o título desde Stephanie Cook, que venceu em Sydney 2000.

GettyImages-1332667095
Foto: 2021 Getty Images

2: O primeiro pentatleta medalhista da Coreia

Houve um momento histórico para a Coreia do Sul, cortesia de Jun Woong-tae

O jovem de 26 anos terminou em terceiro lugar na prova masculina, conquistando a primeira medalha Olímpica do seu país na modalidade.

O companheiro de equipe de Jun, Jung Jin-hwa, ficou em quarto lugar, sem medalha, mas o programa de pentatlo moderno da Coreia do Sul está em alta.

3: As supermães do pentatlo moderno

O pentatlo moderno foi um dos muitos esportes no Japão o qual as atletas estavam retornando após recentemente terem dado à luz.

Anastasiya Prokopenko, da Bielorrússia, foi uma desses competidoras e estava em boa forma depois de conquistar o título do Campeonato Mundial de 2021 no Cairo - mas uma medalha em Tóquio não era para ser.

Laura Asadauskaite, da Lituânia, fez seu retorno, na esperança de replicar o que a tornou campeã Olímpica em Londres 2012.

Ela não conseguiu segurar o bastante a impressionante Kate French, no entanto, terminou em segundo, levando a prata para casa.

GettyImages-1332666069
Foto: 2021 Getty Images

4: A estrela em ascensão do Egito

Aos 21 anos, Ahmed Elgendy tem um futuro brilhante no pentatlo moderno.

Depois de ganhar o bronze no Campeonato Mundial de 2021, acabar no pódio estava bem ao seu alcance.

Ele estava lado a lado com o eventual campeão Joe Choong quando eles começaram a correr para a linha de chegada, e embora o britânico acabasse levando a melhor sobre ele, Elgendy consquistou uma medalha de prata.

Com isso, o jovem fez história para o Egito, conquistando sua única medalha neste evento, bem como a primeira medalha não bronze do país em Tóquio 2020.

É um bom presságio do futuro e do que Elgendy é capaz.

5: Joe Choong faz história para a Equipe da Grã-Bretanha

Após o sucesso de Kate French no evento feminino, era hora de Joe Choong se escrever nos livros de história.

O jovem de 26 anos fez sua última corrida com a maturidade de um campeão e superou o desafio de Elgendy, levando o ouro para casa.

Ele se torna o primeiro britânico a ganhar um título Olímpico no pentatlo moderno masculino.

Ele teve uma melhora significativa em relação a sua décima colocação no Rio, fazendo uma dobradinha britânica no pentatlo moderno.

GettyImages-1332834793
Foto: 2021 Getty Images

Uma última olhada

Os principais destaques foram, sem dúvida, French e Choong, que se tornaram apenas o segundo e o terceiro atletas da Equipe da Grã-Bretanha a ganhar títulos Olímpicos neste evento.

O investimento da Coreia do Sul no pentatlo moderno também está valendo a pena.

Jun e Jung mostraram seu potencial em várias competições e, embora apenas Jun tenha conquistado uma medalha, eles destacaram o país como uma nação a ser observada nos próximos anos.

GettyImages-1332828340 (1)
Foto: 2021 Getty Images

Olá Paris 2024

Os olhos estarão voltados para os britânicos, que vão a Paris 2024 para manter os seus títulos.

Mas também é importante prestar atenção na australiana Chloe Esposito, que não competiu em Tóquio depois de se tornar mãe no ano passado. A medalhista de ouro do Rio 2016 está supostamente faminta para retornar à competição e reivindicar sua coroa de volta.

Em outra parte, o egípcio Ahmed Elgendy tem a juventude ao seu lado e, depois de levar Joe Choong ao limite no evento final, poderá dar um passo adiante na próxima vez.

GettyImages-1332842005
Foto: 2021 Getty Images

Quando e onde assistir os replays do pentatlo moderno no Olympics.com

Nós cobrimos tudo e você pode ver bem aqui.

Quando os pentatletas modernos competem novamente?

Muitos desses atletas competirão no Campeonato Mundial de 2022.

Realizado em Xiamen, China, será uma oportunidade de ver quem potencialmente pode estar a caminho do pódio em Paris.

Lista completa de medalhas do pentatlo moderno em Tóquio 2020

Pentatlo Feminino

Ouro - Kate French

Prata - Laura Asadauskaite

Bronze - Sarolta Kovacs

Pentatlo Masculino

Ouro - Joseph Choong

Prata - Ahmed Elgendy

Bronze - Woongtae Jun

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual