Rumo a Paris 2024: confira o sistema de classificação do tiro esportivo

O tiro esportivo teve a honra de ser o esporte que entregou a primeira medalha de ouro em Tóquio 2020, e o restante da competição não decepcionou. Mais uma vez, o esporte voltará ao programa Olímpico de Paris 2024. Descubra tudo o que você precisa saber sobre o número de atletas, favoritos e caminho para a classificação abaixo.

MENG Lingcheng

Exigindo imensa precisão e foco, o tiro esportivo apareceu pela primeira vez como um dos nove esportes que foram apresentados nos Jogos Olímpicos de Atenas em 1896. Além de St Louis 1904 e Amsterdã 1928, tem sido um dos pilares em todas as edições dos Jogos Olímpicos desde então.

Enquanto em Atenas 1896 a competição de tiro esportivo consistiu em apenas cinco eventos, a competição de Paris 2024 incluirá 15 eventos de rifle, pistola e espingarda para homens e mulheres.

Descubra tudo o que você precisa saber sobre a competição Olímpica de tiro esportivo de Paris 2024 abaixo.

Quantos atletas competirão no tiro esportivo em Paris 2024?

No total, 170 homens e 170 mulheres competirão no tiro esportivo em Paris 2024. O total de 340 atiradores é um pouco menor do que os 360 atiradores que competiram em Tóquio 2020, que foi realizado em 2021.

Quais são os requisitos para que os atletas sejam elegíveis para uma vaga?

Todos os atletas devem cumprir a Carta Olímpica e outras regras relevantes (leia aqui para mais detalhes).

Não há limite de idade para atletas que desejam ganhar vagas Olímpicas de Paris 2024, mas eles precisam atender a alguns critérios adicionais para ganhar uma ou mais cotas individuais para os próximos Jogos:

  • Os atletas devem estar listados no Ranking de Classificação para os Jogos Olímpicos (RCJO) com pelo menos um ponto no ranking alcançado para cada um dos eventos individuais em que devem se inscrever nos Jogos Olímpicos de Paris 2024.
  • Os atletas devem ter participado de pelo menos dois campeonatos da ISSF durante o período de classificação para cada um dos eventos individuais em que serão inscritos nos Jogos Olímpicos de Paris 2024.

Qual é o caminho de classificação para Paris 2024?

340 atiradores (170 por gênero) no total competirão em Paris 2024.

Como país anfitrião, a França garantirá 12 cotas (6 por gênero) para os eventos de tiro esportivo de Paris 2024.

O país anfitrião classificará automaticamente um atleta masculino e um feminino em cada evento individual com a condição de que os atletas atendam aos requisitos de elegibilidade descritos acima.

As vagas do país anfitrião só serão concedidas em um evento se os atletas do país anfitrião não tiverem obtido uma cota de lugar naquele evento durante o período de classificação.

16 Cotas de universalidade (8 por gênero) são disponibilizadas aos CONs (Comitês Olímpicos Nacionais) elegíveis nos Jogos Olímpicos de Paris 2024. A Comissão Tripartite confirmará, por escrito, a alocação de vagas de Universalidade aos CONs relevantes após o término do período de classificação para o esporte em questão.

312 cotas (156 por gênero) serão obtidas nos campeonatos ISSF designados que são realizados de acordo com as Regras da ISSF e ocorrem entre 14 de agosto de 2022 e 9 de junho de 2024, com cada CON elegível para obter um máximo de 24 cotas (máx.12 para cada gênero) em todos os eventos.

Os CONs podem inscrever no máximo dois atletas em cada um dos eventos individuais e no máximo duas equipes mistas em cada um dos eventos de equipes mistas, compreendendo os mesmos atletas que se classificaram e são elegíveis para competir nos eventos individuais.

Para mais informações sobre o número de vagas por evento que estão disponíveis em cada um dos campeonatos ISSF designados, consulte as páginas 3 e 4 do sistema oficial de classificação de tiro esportivo de Paris 2024.

Os atletas mais bem colocados obterão uma cota para o seu CON, respeitando o número máximo de atletas por CON mencionado acima. Um atleta pode obter apenas uma vaga de cota para seu CON.

As vagas são atribuídas ao CON, exceto quando as vagas são alcançadas a partir do Ranking de Classificação para os Jogos Olímpicos (RCJO). Essas vagas de cota serão concedidas a atletas individuais e não poderão ser alteradas pelo CON.

A lista final do RCJO, publicada em 9 de junho de 2024, será usada para alocar um lugar de cota para cada evento individual de tiro esportivo. As vagas de cota serão atribuídas ao atleta mais bem classificado do RCJO que ainda não se classificou em qualquer evento e também desde que o CON do mesmo atleta ainda não tenha alcançado mais de uma vaga de cota nesse evento.

Se em um campeonato ISSF designado, um lugar de cota é alcançado por um atleta que já obteve um lugar de cota em qualquer campeonato ISSF designado anteriormente em qualquer evento individual, o lugar de cota deve ser concedido ao próximo atleta mais bem colocado, naquele evento, em um campeonato ISSF designado.

A mesma regra se aplica quando o CON de um atleta já obteve o número máximo de vagas de cota naquela prova.

Um CON pode obter apenas um lugar de cota em qualquer um dos eventos individuais em um campeonato ISSF designado.

Todos os eventos individuais consistem em uma fase de classificação e uma fase final. Um lugar de cota só pode ser obtido na fase final de qualquer campeonato ISSF designado.

Um atleta com cota em um evento individual também pode obter o direito de participação em outro evento individual se cumprir os requisitos de elegibilidade mencionados anteriormente e o número máximo de atletas por CON neste segundo evento for respeitado. Tal direito é concedido ao atleta individual e não ao CON.

YANG Haoran (frente) e YANG Qian da equipe da China durante a partida da medalha de ouro da equipe mista de carabina de ar 10m no quarto dia dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020
Foto: 2021 Getty Images

Equipe Mista

As equipes mistas em cada um dos eventos de equipe mista devem ser compostas pelos mesmos atletas que se classificaram e são elegíveis para competir nos eventos individuais.

Caso o número de equipes mistas inscritas em um evento de equipe mista de e carabina de ar 10m/Pistola de ar 10m exceder o número de postos de tiro disponíveis para um (1) revezamento de classificação, o RCJO será usado para determinar a lista final de inscritos. Será levado em consideração o número combinado de pontos de acordo com o RCJO nos respectivos eventos individuais de 10m AR ou 10m AP publicados em 9 de junho de 2024 de ambos os membros da equipe mista.

Em caso de empate, a prioridade será dada à equipe mista com o atleta (masculino ou feminino) que obtiver o maior número de pontos de acordo com o RCJO publicado a 9 de junho de 2024 na prova individual da respectiva prova de equipe mista.

O número máximo de equipes mistas no evento de equipe mista de skeet é 18.

Caso o número de equipes mistas inscritas no evento equipe mista de skeet seja superior a dezoito, o RCJO será utilizado para determinar a lista final de inscritos. Será levado em consideração o número combinado de pontos de acordo com os eventos individuais do RCJO em skeet (publicado em 9 de junho de 2024) de ambos os membros da equipe mista.

Em caso de empate, a prioridade será dada à equipe mista com o atleta (masculino ou feminino) que obtiver o maior número de pontos de acordo com o RCJO (publicado em 9 de junho de 2024) na prova individual de skeet.

Qual é o formato e a programação da competição de tiro esportivo de Paris 2024?

Os eventos de tiro acontecerão entre 27 de julho e 5 de agosto, no entanto, no momento da redação (5 de julho), o local não foi confirmado.

Haverá 15 eventos de medalha de tiro programados para Paris 2024, o mesmo que Tóquio 2020. São eles:

  • Carabina de Ar 10m (feminino/masculino/equipe mista)
  • Carabina 50m 3 Posições (feminino/masculino)
  • Pistola de Ar 10m (feminino/masculino/equipe mista)
  • Pistola de tiro rápido 25m (masculina)
  • Pistola 25m (feminino)
  • Trap (feminino / masculino)
  • Skeet (feminino/masculino/equipe mista)

LEIA MAIS: O calendário de competições para os Jogos Olímpicos de Paris 2024 foi divulgado

Jean Quiquampoix da equipe francesa compete nas finais masculinas de pistola de tiro rápido 25m no décimo dia dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020
Foto: 2021 Getty Images

Atletas de tiro esportivo para assistir em Paris 2024

Atiradores da República Popular da China lideraram o quadro de medalhas em Tóquio 2020 com 11 medalhas no total, incluindo quatro de ouro. E a idade está do lado da equipe de tiro esportivo chinesa visando Paris 2024.

Qian Yang, vencedora da primeira medalha de ouro de Tóquio 2020, subiu ao pódio nas provas de equipe mista de rifle de ar 10m e rifle de ar 10m feminina aos 20 anos. Ela tentará defender seus títulos em Paris e, de acordo com o calendário provisório de Paris 2024, pode até ter a chance de conquistar também a primeira medalha de ouro dos Jogos de Paris.

Lihao Sheng (16), Jiaruixuan Xiao (19), Changhong Zhang (21) e JIANG Ranxin (21) trouxeram para casa medalhas Olímpicas ainda jovens e tentarão somar seus títulos na capital da França.

William Shaner, de 20 anos, que começou a atirar aos nove anos, comemorou a vitória na carabina de ar 10m masculino depois de uma final emocionante, onde derrotou o chinês Sheng Lihao por apenas 0,7. Ele é o homem americano mais jovem a vencer um evento de fuzil. Ele adicionará mais medalhas à sua coleção em Paris 2024?

O francês Jean Quiquampoix elevou sua prata no Rio com a pistola de tiro rápido 25m no Rio para ouro em Tóquio, atingindo uma pontuação final de 34 para igualar a marca de medalha de ouro de Leuris Pupo em Londres 2012, que é um recorde Olímpico. Ele tentará mais uma vez defender seu título em casa em Paris 2024.

Cronograma de classificação de tiro esportivo para Paris 2024

14 de agosto de 2022: Início do período de classificação

24 de agosto a 12 de setembro de 2022: Campeonato Europeu de espingarda de 2022 - Larnaca, Chipre

5 a 18 de setembro de 2022: Campeonato Europeu de 25m/50m de 2022 - Wroclaw, Polônia

22 de setembro a 11 de outubro de 2022: Campeonato Mundial de espingarda de 2022 - Osijek, Croácia

12 a 25 de outubro de 2022: Campeonato Mundial de fuzil e pistola de 2022 - Cairo, Egito

9 a 16 de novembro de 2022: XIll campeonato CAT 2022 - Lima, Peru

5 a 15 de março de 2023: Campeonato Europeu de 10m de 2023 - Tallinn, Estônia

21 de junho a 2 de julho de 2023: Jogos Europeus de 2023 - Polônia

14 a 31 de agosto de 2023: 53º Campeonato Mundial de 2023 - a definir

25 de julho - 06 de agosto de 2023: Campeonato Europeu de espingarda de 2023 - Leobersdorf, Áustria

1 a 10 de outubro de 2023: Campeonato Africano 2023 - Cairo, Egito

Outubro 2023: Jogos Pan-Americanos de 2023 - Santiago, Chile

Outubro 2023: Campeonato Asiático - Changwon, Coreia

Fevereiro-março 2024: Campeonato Europeu, 10m - Gyor, Hungria

Fevereiro de 2024: Campeonato Asiático de espingarda de 2024 - a definir

Março de 2024: Campeonato Asiático de rifles e pistolas de 2024 - a definir

Abril-maio de 2024: Torneio/Campeonato Europeu de classificação de 25/50m de 2024 - a definir

Abril-maio de 2024: Campeonato Europeu de espingarda de 2024 - a definir

A definir: XIV Campeonato CAT de 2024 - Lima, Peru

A definir: Campeonato da Oceania - a definir

9 de junho de 2024: Fim do período de classificação

14 de junho de 2024: A ISSF deve confirmar em e-mail por escrito aos CONs as cotas obtidas

21 de junho de 2024: Os CONs devem confirmar à ISSF por e-mail o uso dos lugares de cota alocados

A definir: A Comissão Tripartite deve confirmar por escrito a alocação de vagas de Universalidade aos CONs (quando aplicável)

28 de junho de 2024: ISSF deve realocar todos os lugares de cota não utilizados

8 de julho de 2024: prazo para inscrições esportivas em Paris 2024

26 de julho - 11 de agosto de 2024: Jogos Olímpicos de Paris 2024

Saiba mais sobre o sistema de classificação para outros esportes que estarão em Paris 2024.

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual