Rumo a Paris 2024: confira o sistema de classificação do judô

O judô em Paris 2024 terá menos atletas competindo do que em Tóquio 2020, mas o formato de classificação será o mesmo. Descubra aqui sobre o número de competidores, as mudanças em relação à edição passada e como os judocas podem se classificar para os próximos Jogos. 

Nicolas Kohlhuber

Para vários judocas do mundo, os Jogos Olímpicos Paris 2024 começam em 24 de junho de 2022 - data que a Federação Internacional de Judô escolheu para o início do período de apuramento Olímpico.

Como país sede, a França tem direito a uma vaga por categoria de peso, sendo que vai defender o título no evento por equipes mistas. Para as 358 vagas restantes, o sistema de classificação será praticamente o mesmo em relação ao utilizado em Tóquio 2020.

Descubra abaixo todas as respostas para as principais perguntas sobre o processo de classificação do judô para os Jogos Paris 2024.

Quantos judocas vão competir em Paris 2024?

São 186 homens e 186 mulheres que vão competir no judô em Paris 2024. Ao todo, 372 judocas, número ligeiramente inferior aos 386 que estiveram em Tóquio 2020.

Qual é o caminho para a classificação do judô para Paris 2024?

As vagas para Paris 2024 serão distribuídas de acordo com o ranking mundial da IJF (sigla em inglês para Federação Internacional de Judô - International Judo Federation) durante o período de classificação Olímpica. Isso significa que todos os eventos do circuito mundial organizados entre 24 de junho de 2022 e 23 de junho de 2024 terão impacto na distribuição das vagas. Ao final deste período, para cada uma das sete categorias de peso, os 17 melhores países listados no ranking mundial terão direito a uma vaga.

Em seguida, 100 vagas são disponibilizadas de acordo com a representação continental. Cada continente tem um certo número de vagas que são atribuídas aos atletas com o maior número de pontos, independentemente do gênero e categoria de peso, com o limite de uma vaga continental por Comitê Olímpico Nacional (NOC).

Cada continente tem também direito ao convite a uma vaga por equipes. Esta vaga pode ajudar um Comitê Olímpico Nacional que tem apenas cinco atletas classificados para Paris 2024 a inscrever um sexto atleta, a fim de formar um time para o evento por equipes mistas.

Por fim, 15 vagas serão distribuídas por uma comissão tripartite de acordo com o critério da Universalidade.

O número máximo de atletas por Comitê Olímpico Nacional que podem se classificar para o judô dos Jogos Olímpicos Paris 2024 é 14 (uma por categoria de peso, nos dois gêneros).

Qual é o formato do torneio de judô em Paris 2024?

O torneio de judô vai começar no dia seguinte ao da Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos Paris 2024. De 27 de julho a 2 de agosto a cada dia haverá uma competição de cada categoria, no feminino e no masculino, antes do evento por equipes mistas, em 3 de agosto.

Em cada categoria de peso, os atletas são distribuídos em em uma chave de eliminação simples. É um clássico formato eliminatório até a final, com uma pequena alteração: os judocas derrotados nas quartas de final permanecem na competição, com um empate na repescagem, o que resulta em duas medalhas de bronze concedidas em cada categoria de peso.

LEIA MAIS: Calendário de competições dos Jogos Olímpicos Paris 2024 é divulgado

Atletas do judô para ficar de olho em Paris 2024

Os judocas franceses particularmente estarão famintos para vencer em casa depois de trazerem oito medalhas, incluindo o ouro no evento por equipes mistas, em Tóquio 2020.

Teddy Riner vai buscar sua terceira medalha de ouro individual na categoria +100kg, enquanto que Clarisse Agbegnenou tentará manter seu título depois de ter dado à luz. Amandine Buchard e Romane Dicko também estarão entre os favoritos.

Como habitual, a equipe japonesa também estará bastante forte. Ono Shohei vai em busca da sua terceira medalha de ouro Olímpica consecutiva. Os irmãos Abe (Hifumibe e Uta) - que tornaram-se campeões Olímpicos no mesmo dia em Tóquio 2020 - tentarão fazer ainda mais história.

O Brasil sempre apresenta plantéis bastante competitivos e trabalha para que mais medalhas sejam conquistadas em Paris do que em relação a Tóquio, quando os gaúchos Mayra Aguiar (78kg) e Daniel Cargnin (66kg) faturaram o bronze em suas categorias.

A canadense Jessica Klimkait, o belga Matthias Casse e a ucraniana Daria Bilodid também irão para Paris 2024 com o objetivo de voltar para casa com medalhas de cores diferentes às de bronze que obtiveram nos Jogos passados, no Japão.

A linha do tempo da classificação do judô para Paris 2024

  • 24 de junho de 2022 - 23 de junho de 2024: período de classificação Olímpica
  • 25 de junho de 2024: publicação do ranking mundial da IJF (Federação Internacional de Judô) do período de classificação Olímpica
  • 25 de junho de 2024: a IJF confirma para os Comitês Olímpicos Nacionais, por escrito, sobre as vagas conquistadas.
  • 2 de julho de 2024: os Comitês Olímpicos Nacionais avisam a Federação Internacional de Judô sobre o uso das vagas.
  • 3 de julho de 2024: a IJF redistribui as vagas não utilizadas.
  • Data a confirmar: a Comissão Tripartite notifica por escrito aos Comitês Olímpicos Nacionais, sobre a relocação das vagas disponíveis pelo critério da Universalidade.
  • 8 de julho de 2024: prazo para as inscrições para Paris 2024.
  • 26 de julho a 11 de agosto: Jogos Olímpicos Paris 2024.

Descubra mais sobre o sistema de classificação para outros esportes que fazem parte do Programa Olímpico Paris 2024.

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual