Alerta de medalha: com direito a recorde Olímpico, Takagi Miho é ouro nos 1000m feminino da patinação de velocidade em Beijing 2022

Japonesa melhorou a melhor marca de sempre dos Jogos em 0s37 e deu ao país o primeiro ouro na prova. Neerlandesas mantêm-se no pódio com Jutta Leerdam, medalhista de prata. Bronze ficou com Brittany Bowe (USA).

Virgílio Franceschi Neto
Foto: Lintao Zhang/Getty Images

O Oval Nacional de Patinação de Velocidade recebeu na tarde desta quinta-feira a tradicional prova feminina dos 1000m em Beijing 2022. Em uma prova marcada pela explosão e intensidade, 30 patinadoras disputaram as três medalhas em disputa.

Takagi Miho (JPN) de maneira brilhante conquistou o ouro, com direito a quebra do recorde Olímpico. Jutta Leerdam (NED) ficou com a prata e, Brittany Bowe (USA), última a entrar e recordista mundial, ficou com o bronze.

Um evento emocionante que teve uma líder logo no início e que demorou a ser superada. Quando passou a ser, uma patinadora precisou romper um recorde para poder levar o ouro.

Olympics.com conta mais sobre esta prova que deu ao Japão o seu primeiro ouro nos 1000 metros em Jogos.

Como foi

Antoinette de Jong (NED) estava no terceiro par que competiu e cravou o melhor tempo permaneceu durante a primeira metade do evento. Bronze em Beijing 2022 nos 1500m e na perseguição por equipes, fazia sua estreia em Jogos nesta distância.

No entanto, faltavam muitas patinadoras de ponta.

Jutta Leerdam (NED), especialista nos 1000m e atual vice-campeã mundial, foi a 11ª a entrar e abaixou o tempo para assumir a liderança. Por 0s27 não quebrou o recorde Olímpico. Na sequência, entrou Ireen Wust (NED) - com cinco medalhas de ouro em Jogos - para fazer provisoriamente o terceiro melhor tempo.

Ouro e recorde Olímpico

Takagi Miho (JPN), bronze em PyeongChang 2018, entrou na sequência e, em um desempenho espetacular, quebrou o recorde Olímpico em 0s37.

Mas ainda faltava a recordista mundial, Brittany Bowe (USA), última a entrar. Era tudo ou nada pelo ouro.

Tricampeã mundial da prova, Bowe não superou o tempo de Takagi (JPN) e terminou com a medalha de bronze.

Este o primeiro ouro individual em Jogos da jovem japonesa de 27 anos, com direito a recorde Olímpico. Quarta medalha dela em Beijing 2022, depois de três medalhas de prata (500m, 1500m e perseguição por equipes).

A prata terminou ficando com Jutta Leerdam (NED). Desde Turim 2006 há pelo menos uma representante dos Países Baixos no pódio desta prova. Em terceiro lugar terminou a norte-americana Brittany Bowe (USA), recordista mundial.

O que elas disseram

"Comecei bem, muito forte e rápida, mas o final não foi como eu queria. Takagi Miho (JPN) está patinando muito bem, e eu estava indo com tudo para superar o tempo dela, mas não. deu certo. Eu estava pelo ouro, mas fico com o bronze. Estou orgulhosa do meu desempenho", disse Brittany Bowe (USA), medalhista de bronze.

Já a medalhista de prata, a neerlandesa Jutta Leerdam, colocou: "Estou feliz, mas depois da prova fiquei desapontada porque o meu lado me custou alguns segundos. Eu tinha muita velocidade mas não estava usando. Apenas pensei, ‘oh’, e parti para mais uma volta".

Sobre a participação em Beijing 2022, ela reflete: “Eu estava bem feliz com o tempo, pensei que seria mais devagar por estar naquele canto específico. Nos meus primeiros Jogos, estava pelo ouro, mas fico feliz com a prata. Tudo foi bem bacana.”

Campeã Olímpica, Takagi Miho (JPN) relembra a prova: “Eu estava apenas focada em fazer o que estava fazendo na prova dos 500m, colocando uma forte patinação. A última volta tratou-se de patinar bem apenas, me foquei nisso”.

Em relação à última volta, ela conclui: “Eu estava pensando que ficaria exausta naquela volta. O que (o treinador) Johan de Wit me disse foi que mesmo que eu ficasse cansada, não deveria abandonar o meu jeito de patinar Ele disse para não me emocionar e não perder o controle…para apenas me concentrar em patinar bem e manter o traçado no gelo”.

Resultados finais

  • Ouro - Takagi Miho (JPN) 1:13.19 Recorde Olímpico
  • Prata - Jutta Leerdam (NED) 1:13.83
  • Bronze - Brittany Bowe (USA) 1:14.61

A patinação de velocidade em Beijing 2022

A patinação de velocidade continua nos Jogos Olímpicos de Inverno Beijing 2022 com a realização da prova dos 1000m masculino nesta sexta-feira dia 18 de fevereiro a partir das 16:30 hora local de Pequim (5:30 pela hora de Brasília).

Você pode acompanhar as emoções da patinação de velocidade em Beijing 2022 com as transmissões do Olympics.com e dos canais Globo/Sportv para o território brasileiro.

CLIQUE AQUI para mais informações

A PATINAÇÃO DE VELOCIDADE COMEÇA AQUI!

Receba notícias de patinação de velocidade, vídeos, destaques dos Jogos Olímpicos de Inverno e muito mais.