Hóquei no gelo Olímpico em Beijing 2022: Cinco coisas que você precisa saber

Os favoritos para as medalhas, o formato da competição, informação sobre o local dos eventos e muito mais!

Will Imbo
Foto: Getty Images

O hóquei no gelo fez sua estreia como modalidade no programa Olímpico nos Jogos Olímpicos de Verão de Antuérpia, em 1920, mas foi movido de maneira permanente para o programa Olímpico de inverno em 1924, e se manteve nos Jogos de inverno desde então.

Há apenas dois eventos na competição de hóquei no gelo em Beijing 2022, mas ela segue sendo uma das modalidades mais populares nos Jogos de Inverno.

Dê uma olhada na nossa prévia do hóquei no gelo em Beijing 2022, incluindo a história do esporte, os melhores jogadores para acompanhar, informações sobre o local de competição e muito mais!

Os principais destaques do hóquei no gelo em Beijing 2022

O Canadá, vencedor de 9 medalhas de ouro, são os grandes favoritos em ambas as competições, feminina e masculina.

O time masculino canadense estará em busca da redenção depois de um terceiro lugar em PyeongChang que surpreendeu.

Entretanto, eles provavelmente mais uma vez terão que lidar com seus velhos rivais dos Estados Unidos na busca pelo ouro em 2022 (Canadá e Estados Unidos estão no Grupo A). Sem contar a Alemanha, medalhista de prata em PyeongChang.

Salvo uma grande reviravolta, a competição feminina terá Estados Unidos e Canadá na grande final. Esta é uma previsão um tanto segura, dado que desde que o hóquei no gelo feminino foi incluído no programa Olímpico de Inverno, em 1998, todas as finais foram disputadas entre estes dois países, exceto em Turim 2006, quando o Canadá superou a Suécia por 4 a 1.

O Canadá é o maior vencedor na competição feminina, tendo sido tricampeãs, contra duas vezes dos Estados Unidos, mas as americanas, com as medalhistas de ouro em 2018 Hilary Knight, Brianna Decker e o provável retorno de Kendall Coyne Schofield para 2022, defenderão o título Olímpico.

Mesmo assim, as canadenses contam com um imenso potencial, com a medalhista Olímpica em três ocasiões Marie-Philip Poulin, a medalha de prata em 2018 Sarah Nurse, além de Jocelyne Larocque, duas vezes medalhista nos Jogos Olímpicos, todas elas grandes destaques da equipe.

Programação do Hóquei no Gelo Olímpico em Beijing 2022

A competição de Hóquei no Gelo acontecerá do dia 3 ao 20 de Fevereiro de 2022.

Local do hóquei no gelo Olímpico em Beijing 2022

O hóquei no gelo acontecerá no Centro de Esportes de Wukesong. Desenhado e construído para os Jogos de Beijing 2008 (quando foi a sede do basquete), o recinto multiuso recebeu uma superfície reversível para o hóquei no gelo - que pode ser convertida em uma quadra de basquete em aproximadamente seis horas.

O ginásio comporta 18 mil espectadores.

Formato da competição do hóquei no gelo Olímpico em Beijing 2022

A competição de hóquei no gelo nos Jogos de Inverno compreende dois eventos:

Torneio Masculino

O torneio masculino consiste de 12 equipes divididas em três grupos:

  • Grupo A: Canadá, EUA, Alemanha, China
  • Grupo B: ROC, República Tcheca, Suíça, Classificado 3
  • Grupo C: Finlândia, Suécia, Classificado 1, Classificado 2

A classificação para a competição masculina foi determinada pelo ranking mundial da IIHF (sigla em inglês para Federação Internacional de Hóquei no Gelo), após o mundial masculino de 2019. Classificados 1, 2 e 3 serão os vencedores dos torneios de apuramento para os Jogos Olímpicos de Inverno, que começam em 26 de Agosto de 2021.

As quatro melhores equipes de um total de 12 - as vencedoras de cada grupo mais a melhor segunda colocada - avançarão para as quartas-de-final (quando a competição passa a ser eliminatória), enquanto que as outras equipes disputarão um playoff.

Torneio Feminino

O torneio feminino terá 10 equipes divididas em dois grupos.

  • Grupo A: EUA, Canadá, Finlândia, ROC, Suíça
  • Grupo B: Japão, China, Classificada 1, Classificada 2, Classificada 3

A classificação para o torneio feminino foi determinada para selecionar as seis melhores seleções ranqueadas usando as suas posições por pontos no ranking em torneios não disputados em 2020 (devido ao cancelamento do Campeonato Mundial Feminino de Hóquei no Gelo 2020). As classificadas um, dois, e três serão as vencedoras dos torneios finais de apuramento.

As cinco equipes do Grupo A e as três melhores do Grupo B avançarão para as quartas-de-final, quando a competição passa a ser eliminatória.

História Olímpica do hóquei no gelo

O hóquei no gelo surgiu no Canadá no início do século XIX, tendo como origem vários jogos de bastão com bola praticados na Europa. A palavra “hóquei" vem da antiga palavra em francês “hocquet”, que significa “bastão”.

O primeiro torneio Olímpico de hóquei no gelo aconteceu nos Jogos Olímpicos de Verão de 1920, em Antuérpia, na Bélgica, com uma competição masculina. Naqueles tempos, o hóquei no gelo internacional era relativamente novo, tão novo que a Federação Internacional de Hóquei no Gelo considera esta competição Olímpica de 1920 como sendo o primeiro mundial da modalidade.

O esporte foi transferido para o programa Olímpico de Inverno após as Olimpíadas de 1920, e fez parte dos primeiros Jogos de Inverno em Chamonix, França, em 1924.

O Canadá tem dominado o hóquei no gelo nas Olimpíadas de Inverno, tendo conquistado 22 medalhas - incluindo 13 de ouro. O Canadá venceu em seis ocasiões das sete primeiras edições dos Jogos de Inverno, mas o seu domínio terminou nos Jogos de 1956 em Cortina com a vitória da União Soviética, que venceria sete torneios seguintes dos próximos nove Jogos. Os soviéticos foram superados pelos Estados Unidos no famoso jogo pela medalha de ouro dos Jogos de 1980 em Lake Placid, um momento que ficou conhecido na história Olímpica e do esporte como “O Milagre no Gelo”.

Uma competição feminina foi incluída no programa Olímpico de Inverno em 1998 nos Jogos de Nagano, e o evento foi dominado pelo Canadá desde então, que ganhou 4 vezes o ouro entre 6 possíveis. Seu adversário mais próximo é os Estados Unidos, que venceu a competição Olímpica duas vezes (superou o Canadá na final em ambas as ocasiões).

As canadenses Hayley Wickenheiser e Jayna Hefford são as únicas duas atletas que venceram cinco medalhas - cinco ouros e uma prata - no hóquei no gelo nos Jogos de Inverno. Vladislav Tretiak (ROC) é o mais bem-sucedido atleta masculino de hóquei nos Jogos Olímpicos de Inverno, tendo conquistado três ouros e uma prata.

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual