Eventos dos Esqui Estilo Livre em Lausanne 2020

Leia mais sobre os eventos de Halfpipe, Slopestyle, Big Air, Ski Cross e Esqui-Snowboard Cross por Equipe Mista dos Jogos Olímpicos da Juventude.

Michael Hincks

As emoções e manobras do esqui estilo livre estão chegando em Lausanne 2020 em janeiro.

Os competidores irão mostrar seus truques, girar e realizar manobras na tentativa de conquistar o ouro no Halfpipe, Slopestyle e Big Air.

O Ski Cross também está de volta, com um formato de eliminatórias de tirar o fôlego, levando os esquiadores a testarem seus limites como nunca.

Você não vai querer perder o esqui estilo livre dos Jogos Olímpicos da Juventude e aqui está um resumo do que você pode esperar do esporte em Janeiro.

Como assistir Esqui Estilo Livre nos Jogos Olímpicos da Juventude

O Olympic Channel irá transmitir 300 horas de ação durante os 13 dias de competição em Lausanne 2020 com um Canal dedicado aos YOG de Inverno disponível no olympicchannel.com, YouTube e dispositivos como o Amazon Fire, Apple TV, Android TV e Roku.

Será um programa diário, ao vivo, com muita ação, notícias, destaques, tendências e entrevistas em um formato divertido e interativo transmitido no Facebook, Twitter e no olympicchannel.com, além de um Podcast diário do Olympic Channel com entrevistas perspicazes com personalidades de todo o mundo Olímpico.

Fãs também podem acompanhar a cobertura do Olympic Channel no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube para saber mais sobre o evento, com a programação completa das competições - incluindo os detalhes da transmissão online, que podem ser encontrados aqui.

Localização e datas do Esqui Estilo Livre

Os eventos de esqui estilo livre acontecem em Leysin e Villars entre os dias 18-22 de Janeiro em Lausanne 2020. (Desça para ver a programação completa)

Em resumo: Halfpipe, Slopestyle e Big Air

Confira em detalhes os três eventos com juri de esqui estilo livre e desfrute de nossos vídeos explicativos especiais sobre cada evento ...

Halfpipe – os esquiadores apresentam suas melhores manobras ao descer a pista em formato de U e serão julgados pela sua amplitude, dificuldade técnica, criatividade e aterrissagem.

Serão duas descidas por competidor nas qualificações, sendo que os 12 melhores chegarão à final, com os resultados decididos por uma base de melhor de três.

Slopestyle – Com um formato similar ao do Halfpipe, no Slopestyle os esquiadores precisam enfrentar uma pista com uma variedade de obstáculos, saltos,corrimões, mesas e big-airs.

Os competidores mais uma vez são julgados por sua amplitude, dificuldade técnica, criatividade e aterrissagem.

Big Air – Estreando no YOG, o Big Air consiste em um único (grande) salto. Competidores percorrem uma pista de aceleração antes do salto e, uma vez no ar, eles tentam fazer manobras e entregar uma finalização perfeita.

Cada esquiador faz dois saltos nas qualificatórias e três saltos na final. A melhor pontuação conta na qualificação, enquanto a final consiste em uma combinação das duas melhores pontuações.

Um arrepio por segundo no Ski Cross

O Ski Cross tem sido uma competição de destaque desde sua estreia Olímpica em 2010.

Alguns de vocês irão se lembrar das quartas de final masculina da Sochi 2014, como mostra o vídeo abaixo, onde três esquiadores se jogaram na linha de chegada na esperança de se qualificar em segundo.

Este photo finish demonstra a natureza deste esporte, onde quatro esquiadores disputam um contra o outro em uma pista com curvas, rollers, saltos e banks.

Em Lausanne 2020, atletas das modalidades masculina e feminina do Ski Cross verão os melhores 16 esquiadores chegarem às baterias de grupo, onde cada competidor irá eventualmente enfrentar um ao outro em um sistema de pontos (1º =4 pts, 2º =3 pts, 3º =2 pts, 4º =1 pt), que irá determinar os oito esquiadores que chegarão às semis.

Os dois melhores das duas semifinais chegarão à grande final, com o vencedor daquela disputa conquistando o ouro.

Não esqueça da Equipe Mista de Esqui-Snowboard Cross

Só pelo nome já dá para perceber que este evento é ainda mais dramático.

Quatro atletas de cada nação integram o Esqui-Snowboard Cross por Equipe (XT), na seguinte ordem: snowboarder (F), esquiador (F), snowboarder (M), esquiador (M).

As 16 nações irão primeiramente competir nas quartas de finais, sendo que as duas melhores de cada avançarão para a próxima etapa.

Cada disputa é contínua, e, dessa forma, cada membro da equipe só pode começar o curso após o competidor anterior cruzar a linha de chegada. Se um competidor não conseguir terminar o curso, o próximo só terá autorização de competir após cumprir a espera de penalização.

Confira o vídeo abaixo para ver como a Alemanha levou o ouro no XT em Lillehammer 2016.

Programação do Esqui Estilo Livre em Lausanne 2020

Sábado, 18 de Janeiro

09:30 - 15:00 - Freeski Slopestyle (F)

Domingo, 19 de Janeiro

09:30 - 15:00 - Freeski Slopestyle (M)

11:00 - 14:30 - Ski Cross (F e M)

Segunda-feira, 20 de Janeiro

09:30 - 15:00 - Freeski Halfpipe (F e M)

Terça-feira, 21 de Janeiro

09:30 - 12:45 - Qualificatórias Freeski Big Air (F e M)

11:00 - 12:45 - Free Esqui-Snowboard Cross Equipe Mista

Quarta-feira, 22 de Janeiro

10:00 - 13:00 - Finais Freeski Big Air (F e M)

SEJA OLÍMPICO, GANHE TUDO ISSO.

Eventos esportivos ao vivo gratuitos. Acesso ilimitado a séries. Notícias e destaques olímpicos sem igual