Dez mil espectadores permitidos em cada evento de Tóquio 2020

Limite para os Jogos Olímpicos colocado em 50 por cento da lotação do local de competição, até um máximo de dez mil pessoas. Decisão para os Jogos Paralímpicos será tomada até 16 de julho de 2021.

Os residentes no Japão serão autorizados a assistir aos próximos Jogos Olímpicos de Verão.

Durante a reunião mantida entre COI, IPC, Tóquio 2020, Governo Metropolitano de Tóquio e Governo do Japão foi acordado estipular para o limite de espectadores para os Jogos Olímpicos "50 por cento da capacidade do local de competição, até um máximo de dez mil pessoas" em todos os locais de competição, tendo em conta as restrições governamentais quanto a eventos públicos.

COI e IPC foram informados e apoiam as políticas decididas pelas três partes interessadas japonesas.

As seguintes decisões foram tomadas:

  • O atual calendário de competição se mantém sem alterações. Em princípio, espectadores serão admitidos nos eventos sujeitos aos limites acima descritos.
  • Estudantes das escolas inseridas no programa de espectadores e seus supervisores não serão considerados nestes limites e terão tratamento separado, já que não são espectadores.
  • Na eventualidade de estado de emergência ou outras medidas prioritárias de prevenção de infeções serem implantadas em qualquer altura até 12 de julho de 2021, as restrições ao número de espectadores nos Jogos, incluindo competições sem espectadores, serão baseadas no conteúdo do estado de emergência ou outras medidas relevantes aplicadas nesse momento.
  • Na eventualidade de qualquer alteração rápida no estado da pandemia e na capacidade do sistema de saúde, uma reunião das cinco partes será de imediato levada a cabo para consideração de medidas adicionais.
  • As partes interessadas japonesas elaboraram guias para orientar os espectadores com o objetivo de garantir ambientes saudáveis e seguros. Estes estipulam que as máscaras devem ser usadas nos locais de competição em todo o momento; falar em voz alta ou gritar será proibido; concentrações deverão ser evitadas; os visitantes devem sair dos locais de competição após os eventos. Aos espectadores será pedido que viagem diretamente para os locais de competição e dos mesmos diretamente para suas casas, tomando todas as medidas de precaução necessárias em deslocações entre prefeituras.
  • Dada a situação de COVID-19, as partes interessadas japonesas têm intenção de analisar ou até cancelar ou reduzir a escala de eventos ao vivo ou eventos de caráter público para minimizar os movimentos da população, rever quaisquer eventos relacionados com os Jogos e estabelecer novas formas seguras de animar e apoiar os atletas.
  • Uma estrutura será implementada para monitorar continuamente o estado das infecções e dos cuidados médicos usando aconselhamento especializado.
  • Políticas semelhantes acerca dos Jogos Paralímpicos serão decididas a 16 de julho de 2021, uma semana antes da abertura dos Jogos.

Por forma a desenrolar uns Jogos seguros para todo o Japão, haverá forte coordenação e cooperação com os governos locais para garantir que as indicações acima descritas sejam seguidas.

A situação será monitorada no Japão e no estrangeiro, incluindo o estado das diferentes variantes do coronavirus, e quaisquer ações necessárias serão tomadas prontamente. A vacinação dos envolvidos nos Jogos vai continuar e o estado da vacinação será atualizado.

Faltam 32 dias para os Jogos Olímpicos e 64 dias até os Jogos Paralímpicos, e as cinco partes interessadas vão continuar trabalhando juntas para garantir Jogos seguros para todos.